Royel Otis. Do filme para o hype máximo. Semana que vem o duo australiano lança o disco de estreia. E fizeram session na Califórnia

A boa banda australiana Royel Otis está vivendo seu momento. Graças a um filme. E porque viralizou (no Ocidente). Com uma música que nem é deles. Explica-se.

O grupo, na verdade uma dupla formada pelo casal Royel Maddell and Otis Pavlovic, foi responsável por botar no falaaaaaaado filme “Saltburn”, da Netflix, uma cover de um hit famoso dos anos 2000 da cantora inglesa Sophie Ellis-Bextor (“Murder on the Dancefloor”). Daí…

Eles já estavam bombadinhos, com disco programado, turnê americana pequena já no horizonte, a coisa da “banda australiana da vez”. Mas por causa do filme, já que eles espertamente lançaram a cover da Sophie Ellis-Bextor de modo oficial, tudo ganhou proporções absurdas para a banda que é mais ou menos uma misturinha de MGMT com as viagens do War on Drugs. Pode reparar, ouvindo essa “Kool Aid” que até já botamos no Top 10 Gringo semanas atrás.

O Royel Otis lança o disco de estreia daqui duas semanas, chamado “Pratts & Pain” (capa acima). Sai dia 16. Nenhum single desse primeiro álbum foi revelado. Quer dizer, eles refizeram alguns poucos singles que estão no EP do ano passado para botar no álbum, em outra roupagem, mais robusta.

A turnê americana deles começa no final de abril no Texas e praticamente dobrou de tamanho pré-lançamento da cover do filme. E já tem algumas boas datas esgotadas, tipo em Nova York e San Francisco.

Antes, na semana que vem, no dia do lançamento do disco debut, eles começam uma turnê australiana por Sydney, a terra deles. São 14 shows, e só um ainda não está sold-out.

O duo Royel Otis esteve dias atrás em Los Angeles, na Califórnia, já para uns contatos promocionais. Primeira vez da dupla na América.

Encorpados com dois amigos, se transformaram em quarteto para fazer uma session de seis músicas para a rádio “world famous” KROQ. Do disco que vai sair, tem três: “Foam”, “Sofa King” e “Going Kokomo”.

A “Kool Aid” está na session, mas ficou fora do álbum.

Dá uma conferida. Depois botamos a cover de Sophie Ellis-Bextor que eles fizeram nos estúdios da ótima australiana Triple J e lançaram de modo oficial, mesmo ao vivo.




ROYAL BLOOD – horizontal miolo página
INTERPOL – inner fixed
INTERPOL – inner fixed mobile