O dia é dela também: King Princess lança segundo disco da carreira e dedica novo vídeo ao baterista Taylor Hawkins

O dia é dela também: King Princess lança segundo disco da carreira e dedica novo vídeo ao baterista Taylor Hawkins Foto: divulgação

Além da Beyoncé, outra mulher talentosa e símbolo de resistência lançou nesta sexta-feira um novo disco. É a King Princess, com seu “Hold On Baby”, segundo álbum de estúdio de sua carreira.

O álbum, sucessor do elogiado “Cheap Queen” (2019), foi lançado junto com o vídeo do single “Let Us Die”, que foi dedicado pela cantora para o músico Taylor Hawkins, do Foo Fighters, que tocou bateria na faixa.

Mark Ronson, Ethan Gruska, Aaron Dessner, Bryce Dessner, Dave Hamelin, Shawn Everett e Tobias Jesso Jr formam o time de produtores do projeto, que tem letras escritas por King Princess guiadas pelo desgosto.

“Parecia mais fácil falar de mim através de outras pessoas. Escrever sobre situações que me causaram dor e usá-las para justificar minhas próprias ansiedades e depressão. Finalmente chegou a um ponto em que tive que virar o cano contra mim mesma. Sou boba, estou ansiosa, estou triste, sou sexy. Eu não queria mais ter medo de falar sobre essas coisas. A infinita dicotomia das coisas que me compõem. Eu não sou uma menina, nem um menino, uma lésbica, mas também gay, pois o dia é longo. Eu não sou uma coisa. Não tenho certeza se gosto de mim, mas estou descobrindo. ‘Hold On Baby’ é uma busca por um novo desgosto. É uma carta de amor para minha namorada. É uma leitura firme de mim mesma”, divulgou a cantora, há alguns meses, na ocasião do anúncio do disco.

No total, “Hold On Baby” tem 12 faixas e pode ser conferido a seguir, junto com o vídeo dedicado ao Taylor.

Pixies
Pixies